Gabriela Cunha

FORMAÇÃO

Artes Visuais - UFPel - Licenciatura

EXPOSIÇÕES+

EVENTOS

Expôs seu livro de artista “Áquea” (2018) de haicais fotográficos no 16o Projeto Armazém no MASC: o mundo como armazém (2018) em Florianópolis/SC. Expôs seu livro de artista “Áquea” de haicais fotográficos na exposição Co-fluir – O Tempo da Imagem (2018) no Espaço Experimentação da Imagem em Belo Horizonte/MG. Participou com uma fotografia analógica na Convocatória Enero - Temática Água (2019) do Projeto Mugre em Buenos Aires/AR. Expôs a vídeoperformance “Respingadas”(2019) no I Festival de Videoarte SPMAV (2019) durante o evento VIII SPMAV - Arte Contemporânea: entre linguagens de afeto e sensibilidades no cotidiano. Foi coautora, fotógrafa, curadora e narradora das audiodescrições das fotografias analógicas expostas no projeto RUMO - Exposição Itinerante de Fotografia Analógica (2019), contemplado no Edital de Apoio a Eventos da Secretaria de Cultura de Pelotas/RS. Sua primeira exposição individual Registro do Ato aconteceu entre dezembro/2019 e janeiro/2020 na Secretaria de Cultura de Pelotas, contemplada pelo edital Ocupação das Salas de Exposição da SECULT (2019). Em 2020 a artista está produzindo uma série de vídeos voltados para o ensino da técnica aquarelada através das redes sociais do Programa de Educação Tutorial (PET) Artes Visuais da UFPel. Desenvolveu o vídeo “Artemísia” com a série Plantas Medicinais de pinturas aquareladas para o Edital Sete ao Entardecer Festival (2020) da Secretaria de Cultura de Pelotas/RS. Participou da 13a Semana da Fotografia de Caxias do Sul (2020) com sua exposição individual virtual “Registro do Ato - Haicais Fotográficos", contemplado no edital da Secretaria Municipal de Cultura de Caxias do Sul/RS. Desenvolveu com seu projeto Registro do Ato curadoria fotográfica para dialogar com os poemas da escritora Marília Garcia na Revista Peteleco no.4 (2020) do PET Artes Visuais - UFPel.

OUTRAS

EXPERIÊNCIAS

Fez parte da comissão de curadoria da exposição “ensaio para o amanhã”, que fez parte da programação do Seminário Internacional do Ensino da Arte - Meio Ambiente (2020) promovido pela UFPel.

Gabriela Cunha

fotografia analógica, fotografia digital, aquarela, poesia, vídeo

Gabriela Cunha, 22 anos. Nascida em Pelotas/RS, cursa Artes Visuais - Licenciatura na Universidade Federal de Pelotas. Apresenta interesse na fotografia analógica, poesia e pintura aquarelada, com enfoque no instante fotográfico e na criação de narrativas visuais e poéticas. Desde 2016 desenvolve relações entre imagem e palavra com a sua marca Registro do Ato. Foi coautora, fotógrafa e curadora do projeto RUMO - Exposição Itinerante de Fotografia Analógica (2019) contemplado no Edital de Apoio a Eventos da Secretaria Municipal de Cultura de Pelotas/RS. Realizou sua primeira exposição individual “Registro do Ato”(2020), contemplada no edital Ocupação Sala de Exposição da Secretaria Municipal de Cultura de Pelotas/RS. Atualmente é bolsista no Programa de Educação Tutorial (PET) Artes Visuais vinculado à UFPel, participando das atividades do grupo e principalmente na criação de vídeos educativos de aquarela e na equipe editorial da revista Peteleco.

Branco.png
Galo Benigno
Branco.png
Haicai: Vigia dos Silêncios
Branco.png
O calor dos sulistas
Branco.png
Haicai: Céu entre neon
Branco.png
Branco.png
Haicai: Vestígios de migração
Branco.png
Branco.png
Haicai: Só, o galope na cidade
Branco.png